PORTO DE SÃO FRANCISCO DO SUL INCENTIVA AÇÕES DE ECONOMIA SOLIDÁRIA E DE PROFISSIONALIZAÇÃO DO TURISMO

27/11/2017 Categoria: Geral
certificados 2

O Programa de Educação Ambiental (PEA) da Administração do Porto de São Francisco do Sul comemora duas conquistas importantes neste fim de ano. A primeira conquista é a solenidade de formatura do primeiro Curso de Condutor de Turismo Náutico e de Pesca, realizada no dia 24 de novembro. A outra, é o início das atividades no espaço de economia solidária, com data de provável inauguração em dezembro, administrado pela Associação Arte Babitonga, um grupo parceiro do programa.

O curso de condutor de turismo foi uma conquista da comunidade, idealizado após a conclusão do Diagnóstico Participativo realizado pelo PEA, em 2016. Diversos temas foram repassados aos 28 participantes do curso, que com os conhecimentos recém-construídos estão mobilizados na viabilização de uma associação para desenvolver ordenadamente o turismo náutico e de pesca em São Francisco do Sul.

Os pilotos e as embarcações envolvidos nesta pretendida associação deverão ser obrigatoriamente habilitados pela Capitania dos Portos. Seus serviços de turismo de base comunitária serão oferecidos no espaço cedido pela Gerência de Cultura Municipal para exposição e venda de produtos artesanais produzidos pelo grupo Arte Babitonga, em uma sala anexa ao prédio no Centro Histórico.

O grupo Arte Babitonga é constituído de aproximadamente 40 artesãos de São Francisco do Sul e contribui para o fortalecimento de cadeias produtivas locais, da economia popular e solidária.

Sobre o PEA

O Programa de Educação Ambiental (PEA) da Administração do Porto de São Francisco do Sul é conduzido pela empresa Acquaplan Tecnologia e Consultoria Ambiental, de Balneário Camboriú, contratada pelo Porto para executar o sistema de gestão ambiental e os programas ambientais do Porto de São Francisco do Sul, em atendimento às condicionantes estabelecidas na licença de operação n. 548/2006, do IBAMA.